Pensar fora da caixa

Um conteúdo diferenciado, por definição, precisa ser fora da caixa: ele precisa ser diferente!

É preciso seguir uma nova linha de raciocínio na abordagem, buscar inovações e entender o que a audiência busca.

Obviamente, algo fora da caixa não tem forma definida. E um conteúdo diferenciado segue esse raciocínio: a diferenciação pode ser trabalhada de várias formas, seja no tema, no formato, na frequência, na densidade…

É necessário entender o que funciona para o seu mercado, sua empresa e seu público.

Cumprir um objetivo

Ok, todo artigo deve cumprir um objetivo. Afinal, só assim uma estratégia de Marketing de Conteúdo faz sentido.

No entanto, um conteúdo diferenciado pode ter objetivos diferentes de uma estratégia “tradicional”. Alguns objetivos principais dos conteúdos diferenciados são:

  • educar a persona;
  • ditar tendências de mercado;
  • apresentar testes;
  • quebrar paradigmas;
  • promover debates.

É possível dizer que um conteúdo diferenciado cumpre objetivos maiores em uma estratégia de conteúdo, pois além de alcançar o que conteúdos tradicionais conseguem, ele pode ir além.